Transtorno Bipolar

Por Flávio Pereira - Psicólogo em Curitiba

Transtorno também conhecido como maníaco-depressivo.  É caracterizado basicamente por ocasiões de elevação do humor e aumento da energia (mania) e em outras ocasiões por um rebaixamento de humor e de energia (depressão). Existem 3 tipos básicos de Transtorno Bipolar: Aquele em que predominam os episódios de Mania; Aquele em que predominam os episódios de Depressão e aquele em que ocorrem episódios mistos.

São sintomas de episódios Maníacos:

  • Autoestima inflada ou sentimento de grandiosidade.
  • Necessidade de sono diminuída (por ex., sente-se repousado depois de apenas 3 ou4 horas de sono).
  • Mais eloquente (capacidade de convencimento e expressão) do que o habitual ou pressão por falar.
  • Fuga de ideias ou experiência subjetiva de que os pensamentos estão muito acelerados.
  • Atenção desviada com grande facilidade geralmente para coisas insignificantes.
  • Aumento da atividade dirigida a objetivos (socialmente, no trabalho, na escola ou sexualmente) ou agitação psicomotora.
  • Envolvimento excessivo em atividades prazerosas com um alto potencial para consequências dolorosas (por ex., envolvimento em surtos incontidos de compras, indiscrições sexuais ou investimentos financeiros tolos).

São sintomas de episódios Depressivos:

  • Estado deprimido: sentir-se deprimido a maior parte do tempo.
  • Ter o interesse diminuído ou perda de prazer para realizar as atividades de rotina.
  • Sensação de inutilidade ou culpa excessiva.
  • Dificuldade de concentração: habilidade frequentemente diminuída para pensar e concentrar-se.
  • Fadiga ou perda de energia.
  • Distúrbios do sono: insônia ou excesso de sono praticamente diários.
  • Problemas psicomotores: agitação ou retardo psicomotor.
  • Perda ou ganho significativo de peso, na ausência de regime alimentar.
  • Ideias frequentes de morte ou suicídio.

O indivíduo deprimido sente-se abatido, triste ou quieto. Dorme muito, sente cansaço em realizar tarefas simples, baixa auto-estima ou sentimentos de inferioridade. Pode haver ainda culpa por erros do passado ou sentimentos de fracasso. Distúrbios de apetite podem ocorrer no estado depressivo podendo haver baixa na imunidade e consequentemente vulnerabilidade a doenças físicas. Pode haver também queda de libido, fazendo com que a pessoa se afaste de seu parceiro.

Já na fase de mania, a pessoa pode sentir excessiva agitação, sentimentos de grandiosidade e exagerado entusiasmo. Essa pessoa passa a dormir pouco ou quase nada e tem muitas ideias ao mesmo tempo. O pensamento torna-se acelerado, prejudicando a comunicação e o entendimento de seu raciocínio por parte dos outros. Irritabilidade e impulsividade também são características dessa fase.

A Terapia Cognitiva-Comportamental ajuda no tratamento do Transtorno Bipolar. Saiba mais.

Comente este texto!






Voltar para o Topo

Psicólogo Flávio Roberto Pereira

Sobre Flávio Pereira