Transtorno da Expressão Escrita

Por Flávio Pereira

Transtorno da Expressão EscritaTranstorno da Expressão Escrita

Transtorno da Expressão Escrita consiste de habilidades de escrita, medidas por testes padronizados ou avaliações das habilidades de escrita, significativamente abaixo do nível desejado, levando em consideração a idade cronológica, a inteligência medida e a escolaridade apropriada à idade do indivíduo.

No Transtorno da Expressão Escrita a perturbação na expressão escrita interfere significativamente no rendimento escolar ou nas atividades da vida diária que exigem textos escritos, como escrever frases gramaticalmente corretas e parágrafos organizados.

No Transtorno da Expressão Escrita em geral ocorre uma combinação de dificuldades do indivíduo em compor textos, sendo evidentes erros de gramática e pontuação, múltiplos erros ortográficos, má organização dos parágrafos e caligrafia excessivamente ruim.

O diagnóstico de Transtorno da Expressão Escrita em geral não é dado quando existem apenas erros ortográficos ou fraca caligrafia, na ausência de outros prejuízos na expressão escrita.

Tarefas nas quais a criança é solicitada a copiar, escrever um ditado e escrever de forma espontânea podem ser necessárias para o estabelecimento da presença e extensão deste transtorno.

O Transtorno da Expressão Escrita em geral é encontrado em combinação com o Transtorno da Leitura ou o Transtorno da Matemática.

Déficits de linguagem e percepto-motores podem acompanhar o Transtorno da Expressão Escrita.

O Transtorno da Expressão Escrita pode causar problemas psicológicos e de interação social.

Comente este texto!






Voltar para o Topo

Psicólogo Flávio Roberto Pereira

Sobre Flávio Pereira